O Bispo

Os Bispos são os sucessores dos apóstolos, recebendo com a ordenação episcopal a missão de santificar, ensinar e governar, a eles confiada no âmbito de uma circunscrição definida (diocese, arquidiocese ou prelazia).

O episcopado é a plenitude do Sacramento da Ordem, sendo o bispo a autoridade máxima da Igreja particular local em jurisdição e magistério.

Aos bispos compete ministrar o Sacramento da Ordem de modo exclusivo e também, na Igreja Latina, o Sacramento do Crisma.

Conforme o Código de Direito Canônico, "os Bispos que, por divina instituição, sucedem aos Apóstolos, são constituídos, pelo Espírito que lhes foi conferido, pastores na Igreja, a fim de serem também eles mestres da doutrina, sacerdotes do culto sagrado e ministros do governo." (Cân. 375 §1)

Os Bispos apõem ao respectivo brasão de armas a cruz episcopal e o capelo verde de 12 borlas.


Dom Jaime Vieira Rocha

                                                                         

Nasceu na cidade de Tangará, na região Trairi do estado do Rio Grande do Norte, aos 30 de março de 1947, sendo o sétimo dos dez filhos do casal José Patrício Vieira de Melo e Maria Nini Rocha. Em fevereiro de 1961, com exatamente 14 anos, ingressou no Seminário de São Pedro, em Natal, local onde cursou os estudos clássico e o ginásio (ensino fundamental e médio).

Cursou Sociologia e Política na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), no período de 1968 a 1971. No ano seguinte, passou a residir em São Paulo, onde cursou Teologia, na Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, até 1974.

Foi ordenado Diácono, em 1974, na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Serra Caiada/RN, por Dom Nivaldo Monte, então Arcebispo Metropolitano de Natal. No dia 01 de fevereiro de 1975 foi ordenado Presbítero, também por Dom Nivaldo Monte, no Ginásio Poliesportivo do SESC, em Natal.

Recém-ordenado sacerdote foi designado para a Paróquia de São João Batista de Pendências/RN, onde foi pároco por 12 anos, permanecendo até 1987. Ainda neste mesmo ano foi nomeado Reitor do Seminário de São Pedro, função que desempenhou até 1995. Neste período assumiu as funções de coordenador arquidiocesano de CEBs, e participou como membro da Comissão Regional de CEBs; Vigário Episcopal para as pastorais sociais; Coordenador arquidiocesano de Vocações e Ministérios e Diretor Espiritual do Encontro de Casais com Cristo (ECC).

Ainda como Reitor do Seminário de São Pedro, no dia 29 de novembro de 1995, foi nomeado Bispo Diocesano de Caicó. Sua ordenação realizou-se dia 6 de janeiro do ano seguinte (1996), na Basílica Papal de São Pedro, na Cidade do Vaticano, sendo ordenante principal Sua Santidade, São João Paulo II. Escolheu como lema episcopal a veemente afirmação de fé de São Paulo: “Scio cui credidi”, que quer dizer “Sei em quem acreditei”.

Tomou posse na Diocese de Caicó, em 1996, permanecendo na Igreja Seridoense até 2005. No dia 16 de fevereiro daquele ano, o Papa João Paulo II o nomeia Bispo Diocesano de Campina Grande, na Paraíba, sendo acolhido e tomando posse nesta nova função dia 23 de abril de 2005. Em virtude da Vacância da Diocese de Guarabira, também na Paraíba, foi nomeado Administrador Apostólico, acumulando a função de Bispo de Campina Grande, no período de 2007 a 2008. Ainda neste período foi escolhido Bispo Referencial da Comissão Episcopal Regional para a Vida e a Família e Vice-Presidente do Regional Nordeste 2. No dia 21 de dezembro de 2011, foi nomeado Arcebispo Metropolitano de Natal, pelo Papa Bento XVI.

Em 26 de fevereiro de 2012, I Domingo da Quaresma, tomou posse como o 9º Bispo e 6º Arcebispo Metropolitano, na Catedral Metropolitana de Nossa Senhora da Apresentação, em Natal.

Atualmente, Dom Jaime é o Bispo Referencial da Comissão Episcopal para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada.

Fontes: Wikipédia / Arquidiocese de Natal

Notícias

Agenda

ACESSE TAMBÉM

roomParóquia Nossa Senhora da Candelária Av. Marechal Rondon, Nº 1859, Bairro Candelária - Natal(RN) - CEP: 59064-730.ic_call(84)3615-2851/3615-2852